Casal de adolescentes é suspeito de matar motorista de aplicativo em Florianópolis

A Polícia Civil suspeita que dois adolescentes sejam os responsáveis pela morte de Patrick Costa, motorista de aplicativo de 22 anos encontrado morto na noite deste sábado (9). O corpo da vítima estava com marcas de faca e enterrado nas dunas do Rio Vermelho, em Florianópolis. As informações são da NDTV.

Patrick estava desaparecido há três dias. O último contato feito com a mãe foi na noite de quarta-feira (6), antes de sair para trabalhar. Ele morava no Sul da Ilha de Santa Catarina. O carro foi encontrado na sexta-feira, também no bairro Rio Vermelho, mas vazio e com danos na lateral.

A vítima só foi localizada por volta das 19h deste sábado, após denúncias anônimas e com a ajuda de cães, conforme a DPPD (Delegacia de Polícia de Pessoas Desaparecidas) afirmou à reportagem da NDTV. Os golpes de faca foram desferidos no pescoço da vítima.

Investigação
A investigação agora apura as circunstâncias do crime, sobretudo, detalhes como o dia da morte e a cronologia dos fatos. A suspeita é de que uma jovem, com cerca de 15 anos, tenha desferido os golpes com a ajuda do namorado.

Ambos não foram apreendidos até a manhã desta segunda-feira (11). A Delegacia de Homicídios investiga o caso como latrocínio (roubo seguido de morte).A investigação aguarda a conclusão dos laudos técnicos, e acredita que Patrick Costa foi coagido a ir até o local do crime, segundo o delegado Enio de Mattos.

O corpo do motorista foi sepultado na tarde deste domingo (10). Segundo a Amasc (Associação dos Motoristas de Aplicativo de Santa Catarina), é o terceiro motorista de aplicativo morto este ano no Estado.

Fonte: ND+

NOVA FM

Programas

Trânsito Agora

Tempo

booked.net

APPs da Nova FM

Real time web analytics, Heat map tracking