Justiça marca data para julgamento da acusada de matar grávida em Canelinha

Rozalba Maria Grime, acusada de matar uma jovem grávida para roubar o bebê, em Canelinha, já data para ser julgada. Ela deve passar por júri popular, conforme decisão do TJSC (Tribunal de Justiça de Santa Catarina) nesta terça-feira (14).

O júri popular deve acontecer no dia 20 de outubro, e deve ser feita em Tijucas. A Polícia Militar também foi requisitada para fazer a segurança durante a sessão.

O caso

No dia 28 de agosto de 2020, Rozalba Maria Grime teria matado uma jovem grávida em uma tentativa de roubar o bebê. Ela foi presa quando foi ao hospital, já que a criança foi ferida durante o parto forçado.

Ela e o marido chegaram a ser presos. A polícia, no entanto, afirmou, após as investigações, que ele não sabia dos planos da companheira. Rozalba está presa na Grande Florianópolis.

A defesa de Rozalba já havia previsto o júri popular ainda para este ano. Para Bruna dos Anjos, advogada de defesa, não se questiona a autoria ou a materialidade do crime. Ela afirma que, o que se busca, é uma interdisciplinaridade, entre e a criminologia e a preservação da saúde mental de Rozalba.

Fonte: ND+

NOVA FM

Programas

Trânsito Agora

Tempo

booked.net

APPs da Nova FM

Real time web analytics, Heat map tracking