Com tornado nos ‘vizinhos’, SC tem alerta para tempestade, granizo e vento de até 90 km/h

A semana começa com dias abafados e fortes pancadas de chuvas e chances de ventos de até 90 km/h e de queda de raios e granizo em grande parte de Santa Catarina.

Nesta segunda-feira (13), há ainda condições para agitação marítima que deve gerar ondas de até 2,5 metros no Litoral catarinense. A passagem de uma frente fria mantém a previsão de tempestades na terça-feira (14).

Na manhã desta segunda, a Defesa Civil estadual atualizou o alerta para temporais e destacou o estado de atenção na maioria das regiões de Santa Catarina.

A previsão é de que já na tarde desta segunda ocorram temporais do Oeste ao Litoral Sul catarinense, em especial nas regiões de divisa com o Rio Grande do Sul.

O sistema de frente fria avança na madrugada desta terça e mantém a condição de chuva volumosa, que deve ter um volume médio entre 50 e 70mm.

No fim de terça, os temporais retornam, desta vez com destaque para a divisa com o Paraná. Conforme pode ser observado no mapa abaixo, toda a área em laranja tem risco alto para ocorrências associada ao temporal.

Ventos podem chegar a 90 km/h em SC

De acordo com a previsão do meteorologista Piter Scheuer, o tempo segue quente e abafado nesta segunda no Estado, e este calor aliado às altas taxas de umidade relativa do ar, e a aproximação de uma frente fria, proporcionam a formação de núcleos convectivos de instabilidades em Santa Catarina.

E é isto que provoca os temporais que devem ser visto no decorrer desta segunda. Segundo Scheuer, as tempestades com raios devem ter destaque entre o Oeste e Meio-Oeste.

“Não pode ser descartado alguns temporais com granizo e vendavais na ordem dos 60 a 90 km/h”, alerta o meteorologista.

Já na terça, Scheuer reforça que a passagem de uma frente fria mantém a previsão de chuva acompanhada de trovoadas. Isso ocorre nos setores do Oeste, Meio-Oeste, Serra e Litoral Sul de Santa Catarina.

Na Grande Florianópolis ao Litoral Norte, o dia terá sol e aumento das nuvens, com chuva e raios principalmente para o período da tarde e noite. Há também risco de temporais isolados com queda de granizo e ventania.

Alerta marítimo

Outro alerta do tempo destacado pela Defesa Civil é referente aos riscos marítimos no Litoral catarinense.

No decorrer desta segunda, a intensificação do vento nordeste no mar, com rajadas de até 80 km/h, gera agitação marítima com picos de onda de 2,5 metros no Litoral Sul do Estado.

A agitação associada ao vento forte e persistente traz risco para ocorrências na região, segundo a Defesa Civil.

O órgão ressalta que deve-se evitar a navegação e atividade de pesca, assim como a prática de esportes náuticos, ou banhar-se no mar.

Caso as ondas estejam atingindo a orla, os moradores devem evitar caminhar ou pedalar no local.

Risco de tornado nos vizinhos

A previsão do tempo do MetSul alerta que o cenário meteorológico atual em toda a região que envolve Santa Catarina, Rio Grande do Sul, Argentina, Paraguai e Uruguai é “muito perigoso”.

O modelo próprio de previsão da organização meteorológica indica “uma enorme área com risco extremo de granizo, em que podem cair pedras de variado tamanho”, na área entre o Nordeste da Argentina, o Uruguai e o Rio Grande do Sul.

Assim, há um cenário “preocupante” para ocorrências de vento “muito intenso e destrutivo em que podem se produzir tornados ou microexplosões atmosféricas”. O MetSul esclarece que tempestades de granizo costumam ser acompanhadas de vento muito forte.

“Chama muito atenção os valores de helicidade muito altos com elevados índices de parâmetro significativo de tornados indicados pelo modelo para a tarde e noite da segunda entre o Nordeste da Argentina, o Uruguai, o Sul do Paraguai e o Oeste gaúcho. Tais valores sugerem alto risco de tornados”, conclui a previsão do MetSul.

Até então, não foram registrados riscos de tornados para o Estado de Santa Catarina.

Tempestades com raios e ventos fortes: como se proteger?

A Defesa Civil de Santa Catarina recomenda que, em casos de tempestades com ventos fortes e raios, a população deve buscar um local abrigado, longe de árvores, placas, postes de energia e outros objetos que possam ser arremessados.

Um detalhe importante é que deve-se ficar longe de janelas. Além disso, a indicação é que aparelhos eletrônicos devem ser desligados. O órgão lembra, ainda, que banheiro de alvenaria é um local muito seguro para estas ocasiões.

Na praia, jamais fique na água.

Alagamentos e inundações:

-Evite contato com as águas e não dirija em locais alagados;
-Evite transitar em pontilhões e pontes submersas;
-Cuidado com crianças próximas a rios e ribeirões.

Fonte: ND+

NOVA FM

Programas

Trânsito Agora

Tempo

booked.net

APPs da Nova FM

Real time web analytics, Heat map tracking