Gaspar ganha nova Delegacia de Polícia Civil.

A Delegacia de Polícia Civil de Gaspar está em novo endereço. A mudança para a nova estrutura aconteceu na segunda-feira, dia 4 de novembro, data que será para sempre um marco na cidade. Portanto, a partir de agora, quem precisar resolver questões ligadas à Circunscricional de Trânsito (Citran), registrar Boletins de Ocorrência ou tratar sobre assuntos que envolvem os setores administrativos, de investigação e cartórios deve ir até o imóvel localizado exatamente em frente à antiga sede, na rua Augusto Beduschi, no Centro.

O ambiente amplo e sofisticado garante mais conforto à população e funcionários e vai colaborar na maior organização dos trabalhos realizados pela polícia. Para que a mudança esteja 100% realizada, falta apenas a o recebimento de parte dos móveis e materiais de escritório, itens que devem chegar até o fim do mês. Os atendimentos, porém, seguem normalmente.

Delegado titular de Gaspar, Raphael Ikawa Lanzeloti considera a nova sede da delegacia um presente para o município. “A mudança para esse prédio é importante para a história de Gaspar. Na minha concepção, a estrutura é totalmente completa. Não deixa a desejar em nenhum quesito. Inclusive, agora utilizamos a melhor estrutura do estado no que se refere às delegacias de comarca. A prefeitura deu todo suporte necessário, uma atitude louvável e que ficará eternizada”.

Com a mudança, a antiga sede será utilizada exclusivamente para arquivo de documentos.

A nova delegacia
O prédio que abriga a delegacia de Gaspar possui cerca de 600 m² em área construída e conta com estacionamento próprio para viaturas. No local, há sete salas destinadas aos cartórios, sendo duas auxiliares; uma sala de atendimento ao público; uma sala de investigação; uma sala para recepção das demandas do Citran; e três banheiros, um deles com acessibilidade.

Aos fundos, há duas celas. Elas funcionam em caráter de trânsito, ou seja, servem para alojar criminosos de forma temporária, até que sejam encaminhados às penitenciárias da região.

Mudança
Há muitos anos, a sede da delegacia era criticada pelo tamanho e estrutura precária. Em 2018, a ideia de uma nova sede saiu do papel, quando a gestão anterior da delegacia localizou um imóvel bem estruturado e adequado para receber a demanda.

No início do segundo semestre de 2019, as autoridades fecharam um contrato para a mudança que foi oficializada em 4 de novembro. Tudo isso, graças a um convênio entre o Estado e a Prefeitura Municipal de Gaspar. O espaço é alugado com recursos do Fundo de Melhoria da Polícia Civil (Fumpc), diretamente com o proprietário do imóvel.

A inauguração oficial da nova delegacia ainda não tem data. Conforme destacado por doutor Raphael Ikawa Lanzeloti, a solenidade depende do aval da Delegacia Geral de Polícia Civil de Santa Catarina.

Vereador descreve trâmites
Em sessão ordinária realizada no dia 5, a Câmara de Gaspar, o vereador Francisco Hostins Junior utilizou da tribuna para falar sobre a busca por essa conquista. “Essa história é muito antiga. Durante o governo de Luiz Henrique da Silveira já havia muita conversa, reuniões, projetos de construção e orçamentos de estado. São mais de 15 anos de trabalho e luta do cidadão gasparense”, relembra.

Em 2017, quando a nova gestão assumiu as cadeiras do Legislativo, o tema ganhou ainda mais força. “Junto ao prefeito Kleber Wan-Dall, fomos atrás da deputada Dirce Heiderscheidt. Depois, realizamos uma discussão mais ampliada com o Fórum das Entidades de Gaspar, que há alguns anos faz um trabalho formidável”. Também houve uma audiência com o secretário-adjunto da Secretaria de Segurança Pública de Santa Catarina, Aldo D’Ávila, quando foi entregue o primeiro oficio.

Uma segunda reunião ocorreu no início de 2018. Desta vez, com o até então secretário da pasta, Alceu de Oliveira Pinto Junior. “Na oportunidade, foi sinalizado que se incluiria no orçamento do estado um valor para que se locasse um novo espaço à delegacia, dado a precariedade da antiga sede. Foi uma longa caminhada até aqui. É importante destacar a colaboração dos profissionais Rodrigo Marchetti, Egídio Ferrari, Paulo Koerich, Bruno Effori e Raphael Lanzeloti”.

Trabalhos
A delegacia de Gaspar conta com 13 policiais efetivos. Além disso, há ainda cerca de dez colaboradores, entre estagiários e demais funcionários. Até o dia 6 de novembro, conforme repassado pelo delegado titular Raphael Lanzeloti, já haviam sido contabilizados 5.200 boletins de ocorrência este ano. Atualmente, cerca de 400 inquéritos policiais instaurados estão em andamento no município.

Jornalismo Nova FM.

NOVA FM

Programas

Trânsito Agora

Tempo

booked.net

APPs da Nova FM

Real time web analytics, Heat map tracking