Brasil tem 650 empresas bilionárias e quatro delas têm sede no Vale do Itajaí

GERAL - O Brasil tem pelo menos 650 empresas bilionárias. São companhias – nacionais ou estrangeiras que mantêm subsidiárias no país – cujas vendas líquidas ultrapassaram a barreira de R$ 1 bilhão em 2018, conforme o tradicional levantamento Maiores & Melhores, publicado anualmente pela revista Exame.

Este seleto grupo tem quatro representantes do Vale: Bunge (R$ 37,1 bilhões em vendas líquidas em 2018, 10ª posição geral), BRF (R$ 24,8 bilhões, 18ª), Havan (R$ 5,62 bilhões, 119ª) e Cia. Hering (R$ 1,56 bilhão, 465ª).

As duas primeiras não surgiram na região, mas entram na lista por manterem sedes administrativas aqui – Gaspar, no caso da Bunge, e Itajaí, em relação à BRF. As duas últimas, estas sim, são “legítimas”, nascidas em Brusque e Blumenau respectivamente.

O anuário da revista Exame traz ainda a relação das mil maiores empresas do país em vendas líquidas, tomando como base dados do ano passado.

Além do quarteto bilionário, também representam o Vale o frigorífico Pamplona, de Rio do Sul (R$ 972,7 milhões, 661ª posição), Gomes da Costa, de Itajaí (R$ 881,8 milhões, 717ª), Cremer, de Blumenau (R$ 729,4 milhões, 816ª), e Cravil, de Rio do Sul (R$ 548,1 milhões, 990ª).

Veja o anuário da Exame na íntegra.

Foto: Jandyr Nascimento, BD)

NOVA FM

Programas

Trânsito Agora

Tempo

booked.net

APPs da Nova FM

Real time web analytics, Heat map tracking