Notícias

Motorista bêbada bate em viaturas e atrapalha megaoperação da polícia em Itajaí

A grande operação da Polícia Civil que ocorre em Itajaí e região para desarticular uma organização criminosa atuante no Estado teve um contratempo curioso envolvendo motorista embriagada no começo da manhã desta sexta-feira (24). A mulher bateu em viaturas e impossibilitou a ida de duas equipes às ruas. Depois, um outro acidente também atrapalhou um grupo de agentes.

A primeira colisão aconteceu por volta das 5h em frente à delegacia regional, onde os 140 policiais escalados para o cumprimento dos 55 mandados de prisão e busca se reuniam. Enquanto eles ouviam as instruções do comando de Itajaí, que lidera a ação, uma motorista bateu contra duas viaturas estacionadas. Uma delas estava descaracterizada.

Elas eram das equipes da Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC) e da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Balneário Camboriú, conforme informações da própria Polícia Civil. Com isso, em vez de começar os trabalhos, eles tiveram de parar para registrar a ocorrência de trânsito. A mulher foi presa em flagrante por dirigir embriagada.

Mais tarde, outra viatura descaracterizada seguia na região central, na Avenida Irineu Bornhausen, em direção à delegacia, quando foi atingida lateralmente por um carro. Ninguém se feriu, mas o incidente interrompeu as atividades dos policiais.

No final da manhã, 19 dos 22 mandados de prisão já haviam sido cumpridos. Os demais são de busca e apreensão. Policiais de diversas cidades catarinenses apoiam a operação da DIC de Itajaí. O objetivo é desmantelar uma facção criminosa envolvida em roubos, furtos, homicídios e tráfico de drogas ocorridos em Santa Catarina.

Fonte: NSC

Câmara de Joinville pretende rever legislação após vendedor de cocadas ser multado em R$ 1,6 mil

Após o caso do vendedor de cocadas que foi multado em R$ 1,6 mil repercutir em Joinville, a Câmara de Vereadores do município se manifestou e, por meio de nota divulgada na noite de quinta-feira (23), informou que pretende revisar a legislação que rege o comércio ambulante.

A Casa manifestou indignação com o episódio ocorrido na quarta-feira (22) no Terminal Central, durante uma operação conjunta com intuito de combater o comércio ilegal e, apesar de citar que “não aprova a ilegalidade e defende que cada ambulante regularize sua situação”, não concorda com o ato de retirada da mercadoria dos vendedores e com “uma multa tão elevada”.

Ainda na nota, enquanto poder Legislativo, a Casa aponta que defende os comerciantes que pagam seus impostos “corretamente”, no entanto, pretende rever a legislação e, se necessário, fazer a revisão da lei.

Fonte: NSC

Morador do Alto Vale tapa buraco por conta própria na BR-470

Cansado de esperar a operação “Tapa Buracos” entrar em execução, um morador do Alto Vale munido de um carrinho de mão, areia e enxada, foi flagrado nesta sexta-feira (24/09), na Serra São Miguel em Ibirama, tapando um grande buraco na BR-470, por conta própria, após se irritar com a falta de manutenção da BR-470.

Operação Tapa-Buracos na BR-470

A BR-470 vai receber uma operação tapa-buracos entre os quilômetros 73 e 199, de Ascurra a Ponte Alta, no trevo de acesso a Otacílio Costa. A ordem de serviço foi assinada no último dia 10 e os trabalhos devem começar na primeira semana de outubro.

A empresa vencedora da licitação para prestar o serviço pelos próximos dois anos é a LCM, de Minas Gerais. A empresa venceu a licitação com um valor de R$ 27 milhões e 700 mil para 24 meses de trabalho entre os quilômetros.

O contrato inclui roçada, tapa-buracos, remendos técnicos, reparos profundos e correção de defeitos; pintura com cal de sarjetas e meios-fios, remoção de lixo e recomposição da drenagem.

*Por CRISTIANO SILVA Com informações do Portal Menina/Fotos Vale Regional
(Via: Rede Web TV)

“Vagabundo, picareta”: Jorginho Mello e Calheiros batem boca na CPI

O depoimento de Danilo Trento, sócio da Primarcial Holding e Participações e suposto diretor da Precisa Medicamentos, à Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia, foi palco de bate-boca na manhã desta quinta-feira (23). O relator do colegiado, Renan Calheiros (MDB-AL), e o senador governista Jorginho Mello (PL-SC) trocaram xingamentos após o senador alagoano criticar o presidente Jair Bolsonaro (sem partido). 

“Foi essa gente que foi escolhida pelo presidente para comprar vacina, quando recusavam comprar vacinas da Pfizer, do Butantan… Preferiu esse tipo de negociação e é por isso que tem aumentado a cada dia a percepção de que é um governo corrupto”, disse Calheiros. O relator criticou o silêncio de Trento ao ser questionado sobre a relação dele com a Precisa, empresa que intermediou a compra pelo governo da vacina indiana Covaxin.

Assista:

(Vídeo: O Tempo)

 

“Se recusam a explicar, sem transparência nenhuma”, completou. O senador Jorginho, então, interrompeu Calheiros para defender Bolsonaro: “Não foi ele quem escolheu os picaretas”. O relator, por sua vez, pediu que não fosse interrompido e disse que o parlamentar teria sua vez de discursar na comissão. “Não aceita (interrupção), mas eu falo do mesmo jeito. Vá pros quintos, então”, atacou Jorginho.

Calheiros rebateu: “Vá vossa Excelência com seu presidente e com (o empresário) Luciano Hang”. Jorginho respondeu: “Vai lavar a sua boca para falar de um empresário decente, um homem honrado”. O relator da CPI então chamou o senador bolsonarista de “vagabundo”, que rebateu: “Vagabundo é você, ladrão picareta”.

Fonte: SCC10

Com estragos ou emergência em 18 cidades, SC tem previsão de contrastes no tempo; confira

Depois de uma semana de chuvas, ventanias e até tornados que provocaram estragos e deixaram municípios catarinenses em situação de emergência, a previsão do tempo promete contrastes para os próximos dias no Estado.

A condição chuvosa com baixas temperaturas dá lugar a uma breve passagem de sol e calor que devem predominar entre o domingo (26) e terça-feira (28).  Mas uma nova massa de ar frio devolve o alerta para tempestades em Santa Catarina para o resto da próxima semana.

Região mais afetada pelo tempo nesta semana, o Oeste segue sob alerta nesta quinta-feira (23), já que novos temporais devem ocorrer entre às 15h e às 21h.

De acordo com o meteorologista Piter Scheuer, pancadas passageiras com trovoadas não podem ser descartadas nos setores entre o Oeste e Meio-Oeste, por conta de um sistema de baixa pressão.

A Defesa Civil trabalha para reparar os danos provocados pelos extremos no Estado. Foram registradas ocorrências relacionadas às fortes chuvas e ventanias em pelo menos 18 cidades catarinenses.

Entre os municípios afetados estão Abelardo Luz, Bom Jesus, Canoinhas, Entre Rios, Ipuaçu, Lages, Lajeado Grande, Marema, Ouro Verde, Ponte Serrada, São Bernardino, São Domingos, São Lourenço, Seara, São João do Sul, Timbó Grande, Vargeão e Xanxerê. Até o momento, seis municípios decretaram Situação de Emergência: Abelardo Luz, Bom Jesus, Ipuaçú, Marema, Ouro Verde e Timbó Grande.

Nesta quinta, há risco de temporais localizados com rajadas de vento acima de 60km/h e granizo em diversos municípios da região. Isso se dá devido à área alongada de baixa pressão entre o Rio Grande do Sul e Santa Catarina, informa a meteorologista Gilsânia Cruz, da Epagri/Ciram.

Por conta dos prejuízos já causados pelos temporais dos últimos dias, cinco municípios do Oeste decretaram situação de emergência: Abelardo Luz, Bom Jesus, Ipuaçú, Marema e Ouro Verde.

Fim de semana começa com previsão de mais chuvas

O fim de semana inicia com a previsão de instabilidade associada à baixa pressão, que mantém a condição para chuva com trovoadas e temporais isolados em todas as regiões catarinenses na sexta-feira (24).

Ao amanhecer as temperaturas mínimas se aproximam dos 8°C no Planalto Sul e variam entre 12 e 14°C nas demais regiões. À tarde as temperaturas máximas não sobem muito, devido à cobertura de nuvens e a chuva e variam entre 16 e 22°C. O risco para ocorrências relacionadas a chuva é moderado.

Já no sábado (25), haverá a presença de muitas nuvens e condições para chuva fraca no Litoral e áreas próximas. Nas demais regiões do Estado, o sol aparece entre nuvens. A temperatura mínima varia entre 7 e 10°C do Oeste ao Planalto Sul e entre 13 e 16°C nas demais regiões.

À tarde, as máximas chegam a se aproximar dos 30°C no Oeste e variam entre 17 e 22°C nas demais regiões. Não há risco para ocorrências associadas às condições de tempo.

Breve mudança no tempo traz período de calor

Já no domingo, o tempo muda. “Domingo vai ter uma massa de ar quente, então esquenta em todo o Estado. A temperatura deve se aproximar da marca dos 30°C”, destaca Piter Scheuer.

A condição se mantém na segunda-feira (27), que deve ser de sol e calor, complementa o meteorologista. Segundo Gilsânia Cruz, da Epagri, a temperatura mais quente se mantém entre domingo e terça-feira.

Fonte: ND+

Subcategorias

NOVA FM

Programas

Trânsito Agora

Tempo

booked.net

APPs da Nova FM

Real time web analytics, Heat map tracking