Esportes

Copa do Brasil: Brusque avança em jogo emocionante

O Brusque venceu o Sport e passou a segunda fase da copa do Brasil na noite desta quarta feira no estádio augusto Bauer. O time catarinense venceu por 2 x 1 num jogo que foi marcado pela emoção ate o ultimo minuto, isso porque o time do Sport teve um gol bem anulado no finalzinho do segundo tempo, o que causou baita tumulto pois o arbitro deu o gol e depois de muita confusão e conversa voltou atrás e anulou o gol do time do Sport.
O representante do vale na competição, Brusque pega na próxima fase o time o time do Remo.
Ainda hoje pelo mesmo campeonato, o Avai pega fora de casa as 16h30 a Ferroviaria de SP.
Jornalismo Nova FM

Figueira embolsa mais de R$ 1 milhão com vitória na copa do Brasil

O Figueirense venceu o Novorizontino de virada, por 2 a 1, e está entre os classificados para a segunda fase da Copa do Brasil 2020. Além de seguir na competição, o avanço é importante por causa da premiação. O Alvinegro tem assegurado R$ 1,190 milhão com a classificação.

O Figueira recebe R$ 540 mil por disputar a primeira fase, e estar na segunda rende mais R$ 650 mil. Em uma temporada de orçamento apertado, o valor total arrecadado até agora na Copa do Brasil 2020 pelo Figueirense equivale algo próximo de três folhas salariais do time profissional.

O dinheiro pode ser útil mais adiante, na contratação de jogadores para a disputa da Série B.

- Temos que pensar no momento. Deixar a parte financeira para outras pessoas do clube e ao final do Catarinense pensar mais firme na Série B - falou o coordenador de futebol Felipe Gil, antes da saída do estádio em Novo Horizonte (SP).

Na segunda fase, o Figueirense vai enfrentar o vencedor do confronto Vitória-ES x CSA. No calendário, o próximo jogo do Alvinegro é às 16h de domingo. A equipe nem volta para Florianópolis porque tem compromisso no Oeste de Santa Catarina diante do Concórdia.

Clube Cidade

Jornalismo Nova FM

Briga no clássico: Figueira identifica envolvidos.

O Figueirense Futebol Clube comunica que identificou os torcedores que causaram os tumultos presenciados no Estádio Orlando Scarpelli no último domingo (02), no clássico contra o Avaí. Na ocasião, houve invasão de campo, brigas entre a própria torcida alvinegra e depredação do patrimônio do clube.

O Figueirense formalizou Boletim de Ocorrência junto à Polícia Militar contra os torcedores Fhilippi Raulino da Silva e Mateus Raulino da Silva, e vai solicitar às entidades competentes que ambos sejam proibidos de frequentar o Estádio Orlando Scarpelli, por causar tumultos e desordem e causar prejuízos ao clube.

Além deles, o clube identificou três sócios que participaram das confusões. Conforme determina o Estatuto do Torcedor e o próprio estatuto do clube, a diretoria alvinegra suspendeu, cautelarmente, os associados Leonardo Pacheco Correia, Leonardo Broering Vieira e um terceiro associado, menor de idade. Sobre este, o Clube informará o ocorrido aos seus representantes legais. Ainda, a Diretoria encaminhou ao Conselho Deliberativo a solicitação de abertura de processo disciplinar visando a expulsão dos quadros associativos do Clube de todos os envolvidos.

O clube reitera ainda que os torcedores que causaram depredação no Estádio Orlando Scarpelli, como a quebra dos acrílicos que separam as arquibancadas dos gramados serão cobrados pelos prejuízos causados ao Clube.

Ainda, o Figueirense pede que todo torcedor que tenha qualquer tipo de informação e material que ajude a identificar outros infratores, que encaminhem para o clube através dos canais oficiais. O Furacão está e vai seguir colaborando com a Polícia Militar e demais órgãos competentes na identificação e investigações que se façam necessárias.

O Figueirense reforça que, de forma alguma, a minoria que causou tantos tumultos na partida contra o Avaí, representam a enorme e apaixonada torcida alvinegra, que encantou o Brasil demonstrando todo o amor e apoio ao clube em um momento de reconstrução. Algo que vai totalmente de encontro com os atos de violência e vandalismos praticados por pessoas que nada fizeram além de prejudicar o Alvinegro, deixando o clube vulnerável a punições financeiras e desportivas. Por fim, a Diretoria reforça que buscará a punição de todos os causadores do tumulto, dentro e fora do campo de jogo.

Pau pega literalmente no clássico em Floripa

Figueirense e Avai fizeram o primeiro dos vários clássicos do ano em que as equipes irão se enfrentar neste ano, haja vista que as equipes alem do estadual se enfrentarão pela serie B.

E pra começar o ano de disputas, o Avai bateu o rival em pleno estádio Orlando Scarpelli por 2 x 0.

O jogo foi bom, movimentado, cheio de oportunidades para ambas equipes, porém a invasão no campo e a briga na torcida manchou a imagem do clássico.

Tudo começou apos a troca do jogador Bruno Silva, ele revidou a provocação da torcida do Figueira, ai o "pau comeu".

Depois de muita confusão e ânimos acalmados o arbitro encerrou a partida.

O Figueirense emitiu nota de repudio a ação dos torcedores que depedraram o estádio, informando que irão banir os envolvidos de entrarem novamente no estádio.

 

Jornalismo  Nova FM

Figueirense vence de virada o Joinville e assume liderança

O Figueirense venceu a segunda seguida e chegou a sete pontos em três jogos. Já o Joinville amargou a segunda derrota seguida e soma 3, no meio da tabela. 

O Jec ate saiu na frente mas acabou tomando a virada.

A Chape perdeu em casa para o Juventus por 1 x 0.

Na noite desta quinta Criciuma e Atletico Tubarão, Marcilio e Concordia e Avaí x Brusque.

Pela quarta rodada do Catarinense 2020, o Figueirense tem pela frente nada mais que o clássico com o Avaí. O jogo é às 16h de domingo, novamente no Orlando Scarpelli. Também no domingo, mas às 19h30min, o JEC vai estar na Arena Joinville para enfrentar o Concórdia.

 

NOVA FM

Programas

Trânsito Agora

Tempo

booked.net

APPs da Nova FM

Real time web analytics, Heat map tracking