Esportes

Brasil derrota o Peru e está na final da Copa América

A Seleção Brasileira venceu na noite desta segunda-feira, dia 5, o Peru pelo placar de 1 a 0 no Estádio Nilton Santos, no Rio de Janeiro. O resultado coloca o Brasil na final da Copa América. O gol foi marcado por Lucas Paquetá, com assistência de Neymar, aos 34 minutos do primeiro tempo.

O adversário da seleção sai na noite desta terça-feira, dia 6, do confronto entre Argentina e Colômbia. A partida está marca para as 22 horas, no Estádio Mané Garrincha. A final da Copa América será disputada no próximo sábado, dia 10, no Maracanã, a partir das 21 horas.

Para chegar à decisão, além do Peru na semifinal, o Brasil derrotou o Chile nas quartas de final, pelo placar de 1 a 0. Ainda na fase de grupo, a seleção venceu a Venezuela (3 a 0), a Colômbia (2 a 1) e o próprio Peru (4 a 0), além de empatar com o Equador (1 a 1).

Por GE

Definidas as quartas de final da Copa América, veja os confrontos

A fase de grupos da Copa América foi finalizada na noite de segunda-feira (28), com as vitórias de Argentina e Uruguai sobre Bolívia e Paraguai, respectivamente.

Do Grupo A, se classificaram Argentina, Uruguai, Paraguai e Chile, enquanto do Grupo B, avançaram Brasil, Peru, Colômbia e Equador. Bolívia e Venezuela foram eliminados.

As quartas de final iniciam na sexta-feira, dia 2 de julho, com os duelos entre Peru x Paraguai, às 18h, e Brasil x Chile, às 21h. Os vencedores se enfrentam na semifinal.

Do outro lado, estão Uruguai x Colômbia e Argentina x Equador. Os confrontos acontecem no sábado (3), às 19h e 22h, respectivamente.

As semifinais da competição estão marcadas para os dias 5 e 6 de julho. Já a grande final será no dia 10.

Por Lucas Pavin/OCP News

Chapecoense: técnico Jair Ventura segue sem vencer

Um primeiro tempo muito bom do Internacional e um gol logo no começo do jogo desestabilizaram a Chapecoense no primeiro tempo. Foi em uma saída de bola errada do lateral Matheus Ribeiro, que Caio Vidal abriu o placar na Arena Condá, na noite desta quinta-feira (24), pelo Campeonato Brasileiro. 

Em seguida uma bola enfiada no meio da zaga do Verdão, num espaço que não deveria ser permitido, proporcionou a Yuri Alberto marcar o segundo gol colorado, dando tranquilidade ao time gaúcho no jogo.

A Chapecoense não se ajustou no primeiro tempo. Na etapa final, com alguns erros corrigidos, a Chape foi para cima do Inter e diminuiu o placar com uma jogada de bola alta, tradicional do time, onde um dos zagueiros apareceu na área adversária. Dessa vez foi Derlan que, de cabeça, descontou: 1 a 2. 

O jogo melhorou e esquentou com chances de ambos lados. Mesmo tendo melhorado no segundo tempo, a Chape não fez o suficiente para pelo menos empatar a partida. 

O Internacional, que teve a estreia do técnico Diego Aguirre, foi melhor e teve muito mais chances de marcar o terceiro gol. Detalhe: a vitória desta noite foi a primeira dos colorados na Arena Condá em jogos do Campeonato Brasileiro. 

No final do jogo, Bruno Silva, da Chape, perdeu a cabeça e acabou expulso. O mesmo aconteceu com Danilo Fernandes, do Inter, que também recebeu o cartão vermelho.

Com o resultado, a Chape segue na zona de rebaixamento do Brasileirão, com apenas três pontos conquistados. O time catarinense volta a campo no domingo (27), às 20h, para enfrentar o Athletico Paranaense, na Arena da Baixada.

Por Roberto Alves/NSC

Tite é multado pela Conmebol após criticar organização da Copa América

Após chamar de “inadmissível” a qualidade do campo em que a seleção brasileira sofreu para vencer a Colômbia, por 2 a 1, na noite de quarta-feira (24), pela fase de grupos da Copa América, o técnico Tite foi multado pela Conmebol por ter feito críticas à organização da competição. No dia 12, antes do início das partidas, o treinador da seleção brasileira afirmou que a competição foi organizada de maneira “atabalhoada”.

Nesta quinta-feira (24), a Conmebol divulgou decisão da Comissão Disciplinar que determina o pagamento de 5 mil dólares (cerca de R$ 24,6 mil). Este valor da multa será debitado automaticamente da quantia que a CBF terá a receber pela participação na Copa América. Não cabe recurso.

Eduardo Gross Brown, presidente da Comissão Disciplinar da Conmebol, disse que “em caso de reiteração de qualquer infração à disciplina esportiva de igual ou similar natureza que ocasionou o presente procedimento será aplicado o disposto no Art. 31 do Código Disciplinar da Conmebol e as consequências que do mesmo possam advir”.

Tite ainda foi advertido, assim como Ricardo Gareca, da seleção peruana, José Peseiro, da Venezuela, e Reinaldo Rueda, da Colômbia, por atraso na entrada ou retorno do intervalo para o campo de jogo. Na primeira infração, a Conmebol aplica apenas advertência. Na segunda, está previsto multa de US$ 15 mil.

Por: Estadão (Via SCC10)

Chape consegue empate contra o São Paulo fora de casa pelo Campeonato Brasileiro

A Chapecoense conseguiu um importante resultado na noite desta quarta-feira (16). Fora de casa, no Estádio Cícero Pompeu de Toledo, o ‘Morumbi’, em São Paulo (SP), o Verdão conseguiu um empate em 1 a 1 com o Tricolor Paulista. Os gols da partida foram marcados por Eder, pelo São Paulo e Kaio Nunes pela Chape.

Sem vencer ainda na competição, o São Paulo entrou no campo do Morumbi disposto a vencer a Chape. Logo aos 6’, o time paulista conseguiu criar duas chances. O atacante Rigoni cruzou pela direita e o goleiro do Verdão, João Paulo, tirou o perigo. Na sequência, Rojas finalizou e João Paulo novamente defendeu.

O São Paulo era todo pressão e aos 12’ abriu o placar. O atacante Rigoni cruzou para a área da Chape e Eder de cabeça marcou o primeiro gol da partida.

Atrás no placar, a Chape conseguiu atacar aos 21’. O lateral Matheus Ribeiro subiu ao ataque e finalizou, mas a bola foi para fora.

O São Paulo dominava as ações ofensivas e em dois lances quase ampliou o placar. Aos 25’, Rojas cruzou na área do Verdão e Luciano mandou para o gol, mas João Paulo salvou a Chape. Dois minutos depois, aos 27’, Rigoni cobrou um escanteio e o zagueiro Bruno Alves cabeceou, mas a bola pegou no travessão do Verdão e foi para fora.

Após a expulsão de Rodrigo Nestor do São Paulo, a Chape foi mais ao ataque e aos 45’ quase empatou a partida. A bola sobrou para Lima dentro da área do Tricolor, que finalizou, mas Tiago Volpi fez uma linda defesa e salvou o time de SP. Fim de primeiro tempo, São Paulo 1, Chapecoense 0.

Na abertura do segundo tempo, a primeira chance foi do São Paulo. Aos 3’, Rojas fez a jogada pelo lado esquerdo da defesa da Chape, puxou para o meio e finalizou, mas a bola foi por cima do gol de João Paulo.

O jogo no segundo tempo foi menos intenso. As duas equipes pouco chegaram no ataque adversário. Aos 21, Welington chutou para dentro da área da Chape, a bola sobrou para Pablo que finalizou por cima do gol de João Paulo. Três minutos depois, aos 24’, foi a vez da Chape chegar ao ataque. Lima recebeu a bola no lado direito da defesa do São Paulo e cruzou para a área. A bola acertou o jogador do Tricolor Liziero e encobriu Volpi. O atacante do Verdão Kaio Nunes aproveitou e cabeceou para o fundo das redes do tricolor paulista. 

Aos 41’, a Chape teve em mãos a chance da virada. Primeiro com Lima, que cara a cara com Tiago Volpi acertou a trave, na sequência, Kaio Nunes finalizou para o gol vazio, mas o jogador do São Paulo Welington salvou o time em cima da linha.

No fim da partida, aos 48’, após uma bola levantada na área da Chape, Gabriel Sara acertou um voleio e a bola acertou a trave do goleiro João Paulo.

Fim de jogo no Morumbi, São Paulo 1, Chapecoense também 1. Após o empate em SP, o Verdão volta a campo na próxima segunda-feira (21), contra o Atlético Mineiro, no Mineirão, em Belo Horizonte (BH).

Fonte: Clic RDC

 

NOVA FM

Programas

Trânsito Agora

Tempo

booked.net

APPs da Nova FM

Real time web analytics, Heat map tracking