"Deixaram a gente sonhar", diz Éverton Santos, capitão do Figueirense

A vitória do Figueirense por 3 a 1 sobre a Chapecoense surpreendeu os fãs do Campeonato Catarinense. Virou o estadual de pernas para o ar, como disse Rodrigo Faraco. O Alvinegro, antes eliminado, retornou à disputa e entra com vantagem contra a líder Chape para a segunda partida das quartas de final. O time voltou a sonhar, nas palavras do capitão Éverton Santos, em entrevista ao Giro Total nesta segunda-feira (10).

— Deixaram a gente sonhar. A gente não tem nada com isso, com o regulamento. Estamos confiantes e esperançosos em repetir a boa atuação que tivemos. Vamos viajar para Chapecó com o intuito de conseguir a vaga. Vamos fazer nossa recuperação, uma boa viagem, e seguir com o mental forte — afirma o lateral-direito alvinegro.

Em campo, o Figueirense revirou o favoritismo da Chapecoense no Estádio Orlando Scarpelli neste domingo (9). Em 25 minutos, a equipe que irá disputar a Série C vencia um time que vai para a Série A por 3 a 0. O Alvinegro não vencia a Chape na Capital há seis anos e o Verdão não sofria três gols há quatro meses. Éverton Santos diz que a marcação foi ponto-chave.

— O fator surpresa foi essa mudança da atitude com a marcação, a pressão em cima. Acredito que a Chapecoense não esperava esse formato de marcação, até porque não marcamos assim durante o campeonato. Fizemos diferente, não deixamos espaço e fomos nos impondo — analisa o capitão do Figueirense.

O jogo de volta das quartas de final acontece nesta quarta-feira (12), na Arena Condá. A Chapecoense precisa vencer o Figueirense por pelo menos dois gols de diferença para garantir a passagem para as semifinais. Com a vitória na primeira partida, o Alvinegro pode perder, desde que seja por apenas um gol de diferença, para avançar e encarar o Marcílio Dias.

E o Tribunal?
O Tribunal de Justiça Desportiva de Santa Catarina (TJD-SC) deve realizar uma sessão extraordinária do Pleno neste quinta-feira (13) visando o julgamento do recurso impetrado pelo Hercílio Luz. O clube do Sul do Estado perdeu três pontos da primeira fase por uma escalação irregular. A Chapecoense participa do caso, defendendo o direito de jogar as semifinais, pois se classificou diante do time hercilista nas quartas.

NSC

NOVA FM

Programas

Trânsito Agora

Tempo

booked.net

APPs da Nova FM

Real time web analytics, Heat map tracking